Comercial e suporte
(11) 2692-2355
(11) 2662-2855
Bomba para esgoto e sua importância
Bomba para Esgoto: por que esse equipamento é tão importante?

O sistema de esgoto é constituído por uma rede de tubulações que levam águas residuais para uma estação de tratamento. Ou seja, trata-se de uma medida fundamental para garantir o saneamento básico no país. Dentro deste sistema, existe um equipamento imprescindível: a bomba para esgoto. Se você não entende muito bem sobre esse item, não se preocupe. No artigo de hoje vamos explicar toda a importância desta bomba. Confira!

O que é a bomba para esgoto

A bomba para esgoto é o equipamento responsável por bombear a água dentro dos sistemas de esgoto, evitando entupimentos e outros problemas. Dessa forma, ela pode ser utilizada em diferentes ambientes, como residências, comércios e indústrias. Por exemplo, o equipamento é fortemente indicado para o esgoto residencial abaixo do nível da rua ou em terrenos similares.

Como funciona a bomba para esgoto

Como destacamos no começo, a bomba para esgoto é uma peça muito importante para o bom funcionamento do sistema de recalque de esgoto. O motivo é simples: residências localizadas em um nível abaixo da rua, como terrenos acidentados, precisam do bombeamento de água para evitar o acúmulo de detritos e, por tabela, o surgimento de entupimentos.

As duas principais opções de bombas para esgoto são as submersíveis e as centrífuga. Entenda melhor cada uma agora.

Bomba submersível

Essa opção de bomba é um dos mais indicados para drenar e bombear líquidos que possuem partículas sólidas. Além de ser usada em sistemas de esgoto, a bomba submersível pode ser usada em cisternas, caixas d’água e piscinas.

A sua principal vantagem é o fato de não precisar ficar fixa em um único lugar durante a sua operação.

Bomba centrífuga

Sem dúvidas, as bombas centrífugas são as mais populares, afinal, estão presentes em inúmeros serviços. Elas também são conhecidas como bombas externa, pois não operam dentro da água. No sistema de esgoto, por exemplo, elas têm potência para verticalizar ou transportar os resíduos na horizontal.

Diferente da submersa, a centrífuga, normalmente, é posicionada num ponto fixo. Na maioria dos casos, escolhe-se o poço por onde passa as águas servidas ou pluviais. Lembre-se: é importante acondicionar a máquina, para assim, funcionar sem problemas.

O que achou do nosso artigo sobre bombas para esgoto? Agora ficou mais fácil entender como funciona o sistema de esgoto, não é mesmo? Se gostou, não deixe de curtir e compartilhar com seus amigos!

Até a próxima!

Leia também